Uma ótima opção para quem quiser escapar um pouco da agitação de Buenos Aires é dirigir-se à cidade costeira de Tigre, um autêntico refúgio natural situado a 32 quilômetros da capital. O acesso a Tigre pode ser feito por meio do Tren de la Costa, um trem que percorre uma bela parte do litoral argentino.

Quando chegar à cidade de Tigre, comece a visita pelo Puerto de Frutos, de onde saem várias excursões em catamarã pelo delta. Esse porto recebe principalmente produtos, transportados em lanchas-armazém, e madeira, carregados nos barcos fluviais madeireiros. Em Tigre também há um mercado ao ar livre onde você poderá encontrar mel caseiro, flores, frutas e acessórios diversos.

Mas Tigre não se resume apenas a um porto, lá você também poderá visitar o Museo de Arte Tigre, com obras de arte figurativa nacional que vão do final do séc. XIX ao séc. XX. Outros museus interessantes são o Museo Naval de la Nación, com modelos de barcos em escala ou cartografia antiga, e o Museo de Sarmiento, que era a antiga residência de férias do presidente Sarmiento, hoje transformada em museu.

No Paseo Victoria, às margens do rio Luján, também se encontram diversos clubes de remo, bares e restaurantes. Trata-se de uma ótima opção para praticar esportes aquáticos, pescar ou comprar no mercado. Por último, você também poderá pegar o ferryboat que sai de Tigre com destino à Isla Martín García, uma reserva natural capaz de fazer você esquecer de qualquer problema.

Guia de Buenos Aires

Leave a Reply

Your email address will not be published.